bioplastia

IN ES BR

Central de Atendimento

AGENDAR CONSULTA

De segunda-feira a sexta-feira, das 8h às 20h.

Receber Notícias

E-mail:
Nome:

Suor Excessivo

Tratamento para hiperidrose axilar

O suor excessivo nas axilas, conhecido como hiperidrose axilar, é um distúrbio que atinge cerca de 3% da população. Com crescentes reclamações de desconforto social, pesquisas até agora haviam conseguido apenas resultados temporários a base do tratamento com toxina botulínica ou muito agressivos como a intervenção cirúrgica. Ambos não se mostraram alternativas plenamente satisfatórias.

Por isso, a tecnologia que funciona a base de micro-ondas é a mais nova opção de tratamento para hiperidrose axilar. Ao aquecer a pele a uma temperatura entre 55ºC e 60ºC, esse mecanismo é capaz de desativar as glândulas do suor como se estivesse "cozinhando-as". São raros os casos em que é necessária mais de uma sessão.

Como é uma tecnologia não-invasiva, o tratamento do suor excessivo com miraDry micro-ondas requer apenas o uso de uma anestesia local à base de lidocaína, a mesma utilizada pelos dentistas. Logo após o procedimento é possível que a região fique levemente vermelha e inchada, sendo poucos os relatos de dor.

Os primeiros índices de redução do suor podem ser vistos gradualmente, à medida que a região recupera-se do tratamento. Em no máximo três sessões é possível tratar até mesmo os casos mais graves de hiperidrose axilar.

Resultado de mais de cinco anos de pesquisa, a tecnologia de micro-ondas é a mais avançada do mundo e está disponível em vários países como Estados Unidos e Japão, chegando agora ao Brasil. Estudos recentes apontam que 91% dos pacientes têm redução drástica do suor após o tratamento.

Micro-ondas atua na eliminação do mau cheiro

A tecnologia de micro-ondas também atua eliminando permanentemente a bromidrose, o mau cheiro causado pelo gordura do suor emitido pelas glândulas apócrinas. Contudo, o fenômeno não é privilégio da hiperidrose, sendo frequente inclusive em quem não tem nenhum distúrbio do suor. Ele acontece pois as glândulas apócrinas presentes na região axilar e genital utilizam os mesmos dutos das glândulas sebáceas, o que torna o suor gorduroso e facilita a proliferação de bactérias que causam mau cheiro. Ao empregar a tecnologia de micro-ondas para tratamento da hiperidrose axilar e impedir o suor, consequentemente o mau cheiro também desaparece.

O tratamento para hiperidrose axilar com micro-ondas não é recomendado apenas para mulheres grávidas e para portadores de doenças sistêmicas, como hepatite, lúpus e câncer.


clinica leger s�o paulo Clinica Leger Moema São Paulo

 

Clínica Maison Leger Porto Alegre
Clínica Leger Rio de Janeiro
Clínica Leger Recife